Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: C:\Users\Ervas\Desktop\ervas e doencas\aborto_arquivos\image001.jpg

Voltar a pagina inicial

Reumatismo gotoso 

Fone 43 3325 5103

Leite da Moreira

100% Natural

 

    O Leite da Moreira é um composto fitoterápico, 100% natural e sem efeitos colaterais.

 

    Extraído de plantas medicinais da floresta Amazônica com propriedades medicinais e curativas, o Leite da Moreira previne e trata diversas doenças, isso porque sua atuação está diretamente relacionada com a metabolização de todas as células do nosso corpo.

 

    Sem exceção, todas as células do nosso corpo, produzem radicais livres em sua metabolização, isso acontece quando a célula converte os nutrientes dos alimentos que ingerimos em energia.

 

    Os radicais livres podem danificar as células sadias do nosso corpo e embora nosso organismo possua mecanismos que neutralizam estes radicais livres, eles não são neutralizados por completo, isso porque a capacidade do nosso organismo em neutraliza-los é muito variável pois está ligado ao nível de stress, a atividade física, o tipo de doença (caso exista), exposição solar e outros fatores ainda desconhecidos pela medicina.

 

    E estes radicais livres que não podem ser neutralizados vão ao longo de nossa vida, danificar as células do nosso corpo, nos levando a doenças e ao envelhecimento.

 

    O Leite da Moreira atua nos radicais livres do nosso corpo, revitalizando todas as células do nosso organismo.

 

Descrição: Descrição: http://leitemoreira.com.br/images/topicos_repete_sempre.gif

 

    A capacidade do Leite da Moreira em revitalizar as células do nosso organismo faz com que diversas doenças possam ser tratadas, curadas ou prevenidas.

 

    O Leite da Moreira é extraído de plantas medicinais como o Leite da Moreria, Manacá, Sucupira, Salsa-parrilha, Pocová, Bacurina (samambaia), Parí-paroba, Morurê, Impossível, Quebra-Pedra.

 

    Esta composição é capaz de prevenir e tratar diversas doenças desde que a doença não esteja em estágio terminal ou não seja um caso cirúrgico.

 

Outros chás:

 

Nome da Doença: Gota, excesso de ácido úrico (hiperuricemia), reumatismo gotoso*

 

 

Tratamento: DIRCEU: tomar o composto ÁCIDO ÚRICO (capítulos florais e rizoma de ARNICA-BRASILEIRA; folhas de BARDANA; rizoma e folhas de CHAPÉU-DE-COURO; folhas e ramos novos de CORDÃO-DE-FRADE; todas as partes de TAIUIÁ e todas as partes de TANCHAGEM). Indica também a planta: Sabugueiro. BOA INDICAÇÃO: CORDÃO-DE-FRADE (Leonitis nepetaefolia); CHAPÉU-DE-COURO (Echinodorus macrophyllus), podendo-se usar as duas espécies conhecidas (folha maior e folha menor).

 

 

Sintomas: Hiperuricemia é a presença de altas taxas de ácido úrico no sangue. O limite para homens é 6,8mg/dL, e 6,0mg/dL para mulheres (diagnosticado por exame de urina). Seu excesso no organismo pode levar à GOTA e em alguns casos acometimento renal. A gota é uma doença reumatológica, inflamatória e metabólica decorrente da deposição de cristais de ácido úrico nos tecidos e articulações. Quanto à causa, pode ser primária (hereditária) ou secundária (decorrente de outras doenças – do sangue, psoríase, insuficiência renal, obesidade, hipertensão, hipotireoidismo – ou alguns medicamentos – diuréticos, aspirina infantil, varfarina e óleo de copaíba). A gota se revela na forma de artrite e se manifesta normalmente a noite com inflamação articular (calor, rubor e edema) acompanhada de dor intensa em apenas uma articulação (geralmente o dedão do pé) e podem ocorrer febre e calafrios.

 

 

Dieta e Recomendações: Evitar (nos períodos de crise eliminar) alimentos que contribuem com o aumento dos níveis de ácido úrico em nosso organismo, tais como: limão, laranja, amendoim, carnes, embutidos, alimentos em conserva, ovos, queijos e outras fontes de proteínas animais e vegetais (inclusive o feijão). Dieta recomendada para desintoxicação do acido úrico para um dia tentando substituir as principais refeições por: alcachofra, Banana-prata, Melancia e Agrião. Como esta dieta é fortemente diurética, acompanhá-la com grande quantidade de líquidos. A bebida alcoólica é outro agente responsável pela elevação dos níveis de ácido úrico no organismo, portanto evite-o.