Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: Descrição: C:\Users\Ervas\Desktop\ervas e doencas\aborto_arquivos\image001.jpg

Voltar a pagina inicial

Chás para dormir- chá para insonia

Fone 43 3325 5103

Insónia

Sono, provoca

 

Descrição: chas-insonias-dormir

 

Insonias

 

Chás para dormir- chá para insonia

Está cada vez mais complicado ter uma boa noite de sono? Não consegue fazer uma noite completa a dormir? Tem dificuldade em adormecer? Não quer optar por ingerir remédios para dormir? Não tem tempo para fazer exercício que ajuda no sono? Já tentou tudo isto mas nada resulta para lhe dar sono? Talvez alguns chás para dormir de ervas naturais possam ser o indicado para si!

 

Porque não optar por uma boa chávena de chá para dormir antes de ir para a cama? O chá existe há mais de 2 mil anos, é uma bebida bastante natural e saborosa consumida como uma bebida terapêutica que trás benefícios para a saúde.

A infusão de algumas ervas pode ser uma forma muito simples, prática e eficaz para provocar o sono, porém não é qualquer chá que serve para induzir o sono, alguns actuam como estimulantes e têm exactamente o efeito contrário… Cuidado com a quantidade de líquidos ou comida no estomago, pois em excesso pode causar mal-estar e atrapalhar o sono.

 

Existem bastantes variedades de plantas, folhas, ervas, etc, que se pode utilizar para fazer chás para dormir e insónia, mas o que importa aqui são aquelas que nos provocam o sono de forma a combater as insónias.

Como combater a Insónia

 

O chá natural pode ser um aliado do sono, mas existem algumas plantas, que mesmo que sejam naturais, só deverão de ser utilizadas com indicação médica, pois embora sejam naturais, poderão interferir no metabolismo do organismo e pode haver risco de interacção com antidepressivos, ansiolíticos ou qualquer outra medicação que actue no sistema nervoso.

 

Por outro lado, também há outras plantas que podem ser utilizadas para fazer chá que não têm qualquer restrição para que sejam consumidas em forma de chá, estas plantas actuam como calmantes, como é o caso do famoso chá de camomila que é o mais conhecido como um chá para dormir e calmante para tratar a insónia. O chá de camomila contém um aminoácido que relaxa o sistema nervoso e actua como tranquilizante natural. Como alternativa à camomila ainda existem outras plantas com efeitos semelhantes como é o caso da passiflora e da erva-cidreira.

 

Outras sugestões de chás para dormir que servem de calmantes são combinações de laranja com hortelã marroquina, maçã com camomila ou maracujá com pêssego e mel .Qualquer chá tem uma preparação fácil. Basta colocar água a ferver, juntar um pouco da planta da qual pretende fazer o chá e esperar entre 5 a 10 minutos. Quando servir o chá, se achar que precisa de juntar algo para adoçar (como é o caso do açúcar), é aconselhável que use o mel no lugar do açúcar.

 

DICA: Coma banana com mel e aveia antes de dormir, pois ajuda a liberar triptofano, que é um percursor da serotonina e malatonina (substâncias ligadas ao sono). Assim, a qualidade do sono é maior e a acção das plantas pode ser potencializada.

 

Um produto natural, muito conhecido que poderá ser tão importante como a camomila no efeito de calmante, é a tão conhecida alface! Exacto, a alface que é tão utilizada na salada, pode ser útil para tratar as insónias

 

Alface, um calmante natural.

Todos nós conhecemos a alface, o que grande parte da população não deve de saber é que a alface actua como um calmante natural de grande eficácia!

Para além de tratar casos como insónias, também é importante no tratamento do nervosismo ou ansiedade.

Por vezes quando há aquele nervosismo, ansiedade, ou até mesmo insónias, o primeiro chá que nos vem à cabeça será a camomila, mas fiquem a saber, que a alface poderá ser utilizada em chá como forma de calmante.

A alface, mais precisamente o talo da alface, é rico em uma substância denominada de lactucina. Essa substância actua no nosso organismo como um calmante, o que é excelente para nos ajudar a combater as insónias.

Basta colocar água a ferver, e deixar os talos das alfaces entre cinco a dez minutos em infusão na água, coar e beber.

Chás que ajudam a dormir

 

 

Descrição: https://lookaholic.files.wordpress.com/2012/08/chc3a1.jpg?w=610

 

Chá de ervas calmantes podem te ajudar a ter sono: tome uma xícara ao anoitecer, outra por volta das 9 da noite e outra antes de dormir!

Desde que me conheço por gente tenho problemas para dormir. Nunca fui o tipo de pessoa que literalmente deita e dorme, eu custo a pegar no sono, 30 minutos, 1 hora, no mínimo. Mesmo quando eu acordo bem cedo, 6:00, 7:00 e pouco, chega no fim da noite estou sem sono e isso me atrapalha muito.

A minha falta de sono está intimamente ligada à minha ansiedade, estresse e os mesmos também estão ligados às minhas noites mal dormidas, ou seja, um looping infinito. Atualmente, um dos meus maiores desejos é não recorrer mais a remédios para dormir.

É uma luta, não é fácil, mas estou tentando, coloquei isso na minha cabeça e acho que vocês já perceberam que quando isso acontece, eu não sossego até conseguir. De uns tempos para cá tenho recorrido a chás, algo que eu amo incondicionalmente.

Sabendo que problemas para dormir não é um transtorno exclusivamente meu, mas de 40% da população brasileira também – segundo a OMS -, resolvi separar alguns chás que ajudam a induzir o sono.

Chá de ervas calmantes podem te ajudar a ter sono: tome uma xícara ao anoitecer, outra por volta das 9 da noite e outra antes de dormir!

Desde que me conheço por gente tenho problemas para dormir. Nunca fui o tipo de pessoa que literalmente deita e dorme, eu custo a pegar no sono, 30 minutos, 1 hora, no mínimo. Mesmo quando eu acordo bem cedo, 6:00, 7:00 e pouco, chega no fim da noite estou sem sono e isso me atrapalha muito.

A minha falta de sono está intimamente ligada à minha ansiedade, estresse e os mesmos também estão ligados às minhas noites mal dormidas, ou seja, um looping infinito. Atualmente, um dos meus maiores desejos é não recorrer mais a remédios para dormir.

É uma luta, não é fácil, mas estou tentando, coloquei isso na minha cabeça e acho que vocês já perceberam que quando isso acontece, eu não sossego até conseguir. De uns tempos para cá tenho recorrido a chás, algo que eu amo incondicionalmente.

Sabendo que problemas para dormir não é um transtorno exclusivamente meu, mas de 40% da população brasileira também – segundo a OMS -, resolvi separar alguns chás que ajudam a induzir o sono.

Descrição: https://lookaholic.files.wordpress.com/2012/08/camomila.jpg?w=610&h=479

Chá de camomila

Sim, é óbvio que eu tinha que começar por esse. O chá de camomila ajuda a acalmar, relaxar, induz o sono, ajuda na digestão, tem propriedades anti-inflamatórias, ajuda em problemas como aftas, gengivite, úlceras, enxaquecas.

Além disso, um estudo feito pelos cientistas do Imperial College (de Londres) indica que cinco xícaras diárias da bebida eleva os níveis de uma substância redutora de espasmos musculares chamada glicina, o que ajudaria a diminuir cólicas menstruais.

  • O chá de camomila é contra-indicado para pessoas  que utilizam medicamentos para tratamento de trombose (pois o chá pode aumentar a risco de hemorragia), mulheres grávidas ou em lactação. Pode causar rinite alérgica em alguns indivíduos.

Descrição: https://lookaholic.files.wordpress.com/2012/08/erva-doce.jpg?w=610&h=456

Chá de erva doce

O chá de erva doce também é outro que ajuda a acalmar e de quebra tem ação diurética, estimulante, estimulante gastrointestinal, expectorante, dentre outras. É indicado para vários problemas respiratórios (asma, bronquite, tosse) e transtornos como gases e acidez estomacal.

  • O chá de erva doce é contra-indicado para pessoas com problemas gastrointestinais crônicos como úlcera gástrica ou duodenal, refluxo, colites.

 

 

 

Erva Cidreira, também conhecida como Melissa

Embora tenham nomes parecidos, erva cidreira e erva doce não são mesma coisa! A erva cidreira é adstringente, antialérgica, diurética, hipotensora (ou seja, ajuda a diminuir a pressão), revigorante da pele, etc. Além de ajudar a acalmar, relaxar e induzir o sono, a erva cidreira (ou melissa) tem inúmeros benefícios: ajuda problemas como depressão, ansiedade, hipocondria, epilepsia, flatulências, gases, hipertensão, celulite, acne (ajuda na cicatrização), taquicardia, dentre outras.

  • O chá de erva cidreira quase não possui contraindicação, mas como dilata os vasos e diminui a pressão sanguínea, talvez não seja uma boa para quem tem pressão muito baixa. Na dúvida, consulte um médico.

 

Descrição: https://lookaholic.files.wordpress.com/2012/08/lemongrass-iced-tea.jpg?w=610

 

 

Chá de capim-limão, também conhecido como capim-cidreira, erva-de-estrada ou lemon grass (em inglês)

Um dos meus chás favoritos, sem dúvidas. O capim-limão tem propriedades relaxantes, calmantes, digestivas, diuréticas, expectorantes, dentre outras. Ajuda no combate a problemas como ansiedade, dor de cabeça, cólicas menstruais, acne, eczemas, gases, febre, celulite, tosse, catarro, diarréiadentre outras.

  • O chá de capim-limão é contraindicado em caso de dor abdominal desconhecida ou gastrite.

 

Descrição: https://lookaholic.files.wordpress.com/2012/08/valeriana_tuberosa_-_schynige_platte_-_5729.jpg?w=610&h=548

Valeriana

Há, também, o chá de valeriana (também conhecida como “erva-de-gato”), que é um pouco polêmico. A valeriana é considerada uma das mais eficazes no quesito relaxar e induzir o sono, tendo efeito também na manutenção de estágios mais profundos do mesmo. A Valeriana também é moderadora do apetite, calmante, anti-inflamatória, estimulante, diurética, hipotensiva (diminui a pressão), dentre outros.

É indicada para problemas como epilepsia, estresse, depressão, cansaço mental, menopausa, palpitações, obesidade, ansiedade, eczemas, reumatismo, etc. Embora pareça uma boa pedida, a nutricionista e farmacêutica Lucyanna de Jorge Kalluf, da Asbran (Associação Brasileira de Nutrição) para um artigo do ig, alerta que ela só deve ser tomada por indicação médica.

A recomendação existe porque a planta, embora natural, interfere no metabolismo e provoca diversas reações no organismo. Segundo ela, há risco de interação com antidepressivos, ansiolíticos e qualquer outra medicação que atue no sistema nervoso central.

  • A valeriana é contraindicada para gestantes e lactantes.
  • Doses abusivas ou o uso prolongado podem resultar em agitação, dor de cabeça, alterações de visão e audição, delírios, reações alérgicas, convulsões, estado emocional instável, dentre outras.

Descrição: https://lookaholic.files.wordpress.com/2012/08/cha_gettyimages.jpg?w=610&h=457

Procure fazer chás com as ervas propriamente ditas, costumam a fazer mais efeito que a maioria dos chás de sachê. Se o chá for de sachê, consuma orgânico, se possível! 

Vale a pena ressaltar que embora o consumo de chás como capim-limão, erva cidreira (melissa) e erva doce não sejam contraindicados para mulheres grávidas/em lactação, é imprescindível consultar um médico caso você esteja grávida e queira tomar. Segundo o artigo “Posso tomar chá na gravidez?” da Revista Crescer, mesmo esses chás não devem ser tomados com frequência, por isso é importante conversar com o obstetra antes de mais nada.

Sei que chá é algo simples de ser encontrado, qualquer casa de produtos naturais vende, até em supermercados, mas caso queiram uma indicação, um dos melhores chás que conheço são os da marca Tribal Brasil, que conheci por meio de amostra grátis lá da Vita Pura (foi amostra mesmo, vieram 2 sachezinhos acompanhados de outros cosméticos). Sou totalmente suspeita para falar, mas o gosto e o aroma são inexplicáveis, só tomando para entender.